SES inicia articulação de ações preventivas para enfrentamento a Dengue, Zika e Chikungunya

a45a91d1-2d11-4be5-b005-c90bad723239

A Secretaria de Estado de Saúde realizou nesta segunda-feira (19), a primeira reunião com técnicos de vigilância epidemiológica das arboviroses urbanas, do controle de vetores, e demais áreas técnicas, além de representante do Ministério da Saúde, para articular ações conjuntas para enfrentamento da Dengue, Zika e Chikungunya em Mato Grosso do Sul.

Para a Secretária-Adjunta da SES, Crhistinne Maymone, com o retorno do período das chuvas é o momento para o Estado iniciar tratativas para mitigar possíveis epidemias de doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti. “Assim como nós fizemos com a Covid-19, nós precisamos desenvolver ações de combate às arboviroses. Podemos aliar a ciência e com base nos nossos bancos dados, traçar estratégias que sejam viáveis no combate à Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela”.

Segundo o Assessor Militar na SES, Coronel Marcelo Fraiha, objetivo neste ano é envolver toda a sociedade na Campanha contra a Dengue. “Queremos que toda a sociedade nos ajude nesta campanha, queremos envolver todos os setores governamentais e da iniciativa privada.  Assim, vamos programar uma série de ações para serem executadas a partir de novembro, porém, algumas já iniciam ainda neste mês, como capacitações a profissionais de saúde dos 79 municípios do Estado”.

A diretora geral em Vigilância em Saúde da SES, Larissa Castilho, ressalta a importância sobre a troca de experiência. “É importante que estejamos alinhados com todos os setores da sociedade civil e os municípios. A Dengue assim como as demais doenças estão presentes em nosso Estado, por isso, nós precisamos nos manter sempre vigilantes e contar com o apoio de todos neste enfrentamento”.

 

Texto e foto: Rodson Lima, SES

Publicado por: Rodson Carmo de Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *